Foto: Quer morar em cobertura? 4 dicas para escolher a sua

Quer morar em cobertura? 4 dicas para escolher a sua

Postado por • 31 março 2017

O imóvel ideal depende do momento de vida de cada morador. Para um jovem casal, por exemplo, uma casa pequena, mas próxima do trabalho, é melhor opção. Já para casais com crianças pequenas, o espaço é prioridade. E, para quem já alcançou a maturidade, o conforto é fundamental.

Depois que os filhos deixaram a casa dos pais, o espaço se torna desproporcional para apenas duas pessoas. Uma solução para casos como esse, mantendo a qualidade de vida e o conforto de uma casa, é mudar-se e passar a morar em cobertura.

Nesse tipo de residência, apesar do tamanho ser menor, os padrões de luxo e comodidade são mantidos, assim como a privacidade, agora aliada à segurança. 

Mas como escolher a sua cobertura? Confira, neste artigo, 4 dicas para encontrar o apartamento ideal para você!

1. Quantidade de andares

Penthouse, duplex ou triplex? Há diferentes tipos de coberturas, e elas são classificadas pela quantidade de andares do apartamento.

Uma penthouse é a cobertura de um andar, que, em geral, ocupa toda a área do prédio. Ou seja, é o único apartamento do último andar.

Já um duplex é uma cobertura com dois andares, e o triplex, com três. Esses dois termos também podem ser usados para outras unidades, que não apenas a cobertura.

A escolha entre essas opções pode levar em consideração fatores, como ter ou não uma escada dentro da residência, e itens privativos de lazer — piscina e churrasqueira, por exemplo.

2. Compra ou locação

As coberturas são sempre as unidades mais procuradas nos edifícios de alto padrão. A compra é a garantia de ter um imóvel bastante cobiçado, que tende a se manter valorizado.

Já a locação é uma oportunidade para quem não quer perder a chance de morar em uma cobertura, ter conforto e qualidade de vida, mesmo sem ter o título de propriedade. O aluguel de um imóvel desses segue o mesmo processo de outras unidades.

3. Localização

A localização de uma cobertura é, em muitos aspectos, mais importante do que no caso das outras unidades de residência. Um desses pontos é a vista e a possibilidade de apreciar as áreas de lazer.

Por isso, quem busca esse tipo de residência quer um lugar tranquilo para morar, sem estresse e sem a correria das cidades grandes. No entanto, é preciso estar em um local de fácil acesso à cidade, para se manter próximo às opções de comércio e serviços.

4. Tamanho do prédio

Outra dica para quem está trocando uma casa por uma cobertura é considerar que a redução no tamanho do imóvel não significa diminuição das áreas aproveitáveis. Prédios de alto padrão possuem diversas áreas de lazer e atividades física.

Empreendimentos de luxo também oferecem mais de uma vaga de garagem, mais itens de segurança para os moradores, como acesso automatizado, janelas automáticas e muito mais.

Além disso, como são poucas as unidades disponíveis no mercado, é possível ter poucos e selecionados vizinhos. Esse é outro ponto importante a ser considerado na escolha por morar em cobertura, usufruindo da privacidade oferecida por esses imóveis.

Este texto foi útil para a sua escolha por uma cobertura? Assine a nossa newsletter e receba mais informações, diretamente no seu e-mail.

Quer Receber nossas novidades?